Qualidade (Princípio da XP)

3.3.12 Qualidadade (Princípio da XP)

Maior qualidade significa menos defeitos e retrabalho, menos aborrecimentos e maior segurança para clientes e desenvolvedores, maior confiança, menos ansiedade, maior motivação, maior efetividade, maior produtividade e maiores lucros, entre outras coisas. Ou seja, maior qualidade significa gerar maior valor de forma mais simples e eficientes, e com menos custos [IMPROVE IT, XP].

Qualidade motiva a equipe, entre outras coisas, porque as pessoas geralmente não gostam de fazer trabalhos medíocres, pelo contrário, elas sentem-se muito mais motivadas quando têm a oportunidade de trabalhar com qualidade e se orgulham disto [BECK, 2005].

Existe uma crença de que alta qualidade signifique gastos mais elevados. Não há dúvidas de que a qualidade tem um preço, mas a falta dela tem um preço ainda maior [IMPROVE IT, XP]. Sacrificar a qualidade nunca é uma boa forma de controlar o tempo ou os custos. Projetos não se tornam mais rápidos ou mais baratos, de acordo com a diminuição da qualidade, assim como não se tornam mais lentos ou mais caros de acordo com o aumento. Geralmente ocorre o contrário, ou seja, o aumento da qualidade gera entregas mais rápidas e com menores custos, enquanto que a diminuição resulta freqüentemente em atrasos e maiores custos [BECK, 2005].

A XP acredita que qualidade não é uma boa variável de controle para projetos. Para a XP, uma forma eficiente de gerenciar o andamento de um projeto com alguma flexibilidade é através do controle do escopo, já que este nunca é conhecido precisamente e em detalhes com uma boa antecedência. Além disso, o tempo e o custo são comumente fixados logo no início do projeto. Os ciclos semanais e trimestrais provêem pontos explícitos para acompanhamento e escolha do escopo [BECK, 2005].

Qualidade não é um argumento para falta de ação. Caso não se conheça uma solução clara para uma tarefa urgente, o indicado é resolver da melhor maneira possível. Se existe uma solução clara, mas que vai levar muito tempo, deve-se fazer com a melhor qualidade possível de acordo com o tempo disponível [BECK, 2005]. O mais importante é sempre ter em mente o significado e a importância de princípios como qualidade e melhoria, e assim agir da forma mais efetiva de acordo com cada contexto.

Talvez a única característica que realmente justifica o nome programação extrema para a metodologia, seja a extrema importância dada à geração do máximo de valor da forma mais simples e eficiente possível, e é por este motivo que a qualidade é tão importante para a XP.

Abraços,
Vinicius AC.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s